• A Voz do Mártires - Portugal

Cristãos absolvidos na Índia após 11 anos de prisão por crime que não cometeram


Cinco cristãos foram considerados inocentes após passar 11 anos na prisão acusados de participarem do assassinato de um líder hindu na Índia.

O crime aconteceu em 2008 no distrito de Kandhamal.

Com a morte do líder religioso, extremistas hindus se levantaram contra a comunidade cristã da cidade gerando uma onda de ataques onde mais de 160 cristãos foram mortos e mais de 6.000 casas foram destruídas.

No fim de novembro, o tribunal de justiça da Índia emitiu uma decisão histórica ao inocentar os cinco cristãos de Odisha (anteriormente Orissa) depois de ser provado que eles não tinham nenhum envolvimento com o assassinato.

Ao site Morning Star News, o advogado Anupradha Singh comemorou a decisão e revelou que o comportamento dos cinco presos foi elogiado pelos juízes.

O caso, no entanto, não terminou – agora deve ser decidido no Supremo Tribunal de Odisha.

Entre o vasto grupo de advogados que faz campanha pela libertação do grupo nos últimos anos, a opinião é clara: todo o caso foi baseado em mentiras.

De fato, a prisão inicial dos cristãos só ocorreu depois de uma multidão de nacionalistas hindus terem levado-os para a esquadra e exigirem que fossem punidos. Foi uma justiça imposta.

Mais Notícias sobre a Perseguição Cristã na Índia:

Motivos de Oração:

  • Ore pelos cristãos da Índia, um país que vive um aumento da perseguição cristã.

  • Ore pelos 5 cristãos que foram presos injustamente, para que Deus livre-os das mãos dos seus perseguidores.

  • Ore para que muitos extremistas hindus que hoje perseguem os cristãos sejam tocados pelo Espírito Santo e conheçam o poderoso amor de Deus.

Fonte: GospelPrime/Morning Star News

#Índia

© 2017 A Voz dos Mártires. Todos os direitos reservados.

Ao assinar a nossa lista de contatos está a concordar com a nossa Política de Privacidade