China: Documento Secreto revela Perseguição aos Cristãos

Um documento secreto vazou e revelou a existência de um órgão do governo dedicado à perseguição da Igreja Cristã, no sudoeste da China. O documento expõe declaradamente um "Centro Estatal de Comando e Controle" que opera a partir da província de Guizhou - ou, eventualmente, a um nível superior. Uma das Igrejas em Guizhou que sofreu perseguição é a Igreja Huoshi (Pedra Viva) na cidade de Guiyang. Três membros da Igreja Huoshi - Pastor Yang Hua, Wang Yao e Zhang Xiuhong - estão sob custódia: O Pastor Su Tianfu foi libertado sob fiança, e está a espera do julgamento, a sua família está sob intensa vigilância, como também está a esposa do Pastor Yang, Wang Hongwu. A Igreja Huoshi, a maior Igreja da cidade, foi proibida de se reunir e assim foi forçada a se dividir em pequenos grupos. Os funcionários do governo estiveram a identificar cada membro da Igreja; pequenos grupos foram desfeitos mesmo nas casas. Fonte: China Aid
(Conheça a história completa sobre a Igreja Huoshi e a perseguição na China na próxima edição da Revista A Voz dos Mártires - A ser lançada no próximo mês - Julho.) Motivos de Oração: * Ore pela libertação de todos os membros detidos da Igreja Huoshi. Ore para que todas as acusações contra eles sejam eliminadas.

* Louve a Deus porque mesmo diante de tais perseguições a Igreja está a crescer a cada dia na China. * Peça a Deus para novos obreiros sejam levantados para discipular os novos cristãos na China e para fortalecer a Igreja lá.

Ao assinar a nossa lista de contatos está a concordar com a nossa Política de Privacidade

© 2017 A Voz dos Mártires. Todos os direitos reservados.