Cristão Recebe Sentença de Prisão Perpétua no Sudão

Após o tribunal tê-lo condenado ontem por espionagem, o cristão Checo Petr Jašek foi condenado à prisão perpétua no Sudão. (No Sudão a prisão perpétua é equivalente a 20 anos de Prisão) Qual foi o seu verdadeiro crime? Ajudar um estudante de Darfur que tinha sido gravemente ferido num comício. Os seus co-réus - os cidadãos sudaneses Rev Hassan Abduraheem Kodi Taour e Abdulmonem Abdumawla - foram condenados a um total de 12 anos de prisão, principalmente por terem ajudado Petr. Eles também foram condenados por "espalhar rumores que minam a autoridade do Estado" e incitar ao ódio. Petr foi considerado culpado de entrar no Sudão sem o visto e de tirar fotos de instalações militares, também foi multado em 100.000 libras sudanesas (cerca de 15.000€) por fazer trabalhos de ajuda humanitária sem uma autorização. A decisão judicial chocou a muitos. A pena máxima legal por "espalhar rumores de minar a autoridade do Estado" é de seis meses, mas o juiz em Cartum dobrou esta sentença. Os três homens pretendem recorrer imediatamente. Eles foram detidos pela primeira vez em dezembro de 2015. Saiba mais aqui. Fonte: VdM Reino Unido/Middle East Concern Motivos de Oração: Ore para que Deus console e fortaleça Petr, Hassan e Abdulmonem (2 Coríntios 4:16). Peça a Deus por sabedoria para a equipe jurídica que apoia estes três homens. A VdM internacional está a fornecer este apoio jurídico. Ore para que o seu apelo seja ouvido rapidamente e seja bem-sucedido. Ore para que a luz e o amor de Jesus Cristo continuem a brilhar no Sudão, apesar da intensa perseguição.

Ao assinar a nossa lista de contatos está a concordar com a nossa Política de Privacidade

© 2017 A Voz dos Mártires. Todos os direitos reservados.