Guerreiros Masai atacam Cristãos na Tanzânia

Cerca de 20 guerreiros Masai atacaram recentemente quatro jovens cristãos Masai num culto de domingo pela manhã, espancando os homens e batendo-lhes com porretes. Os jovens cristãos ─ Murri de 16 anos; Lilash de 19 anos; Lekutina de 16 anos; e Sairiamu de 17 anos ─ haviam se convertido ao Senhor Jesus poucos dias antes do ataque. Em oposição ao costume Masai, no qual os guerreiros usavam cabelos compridos, os quatro jovens tinham cortado o cabelo como um símbolo exterior da sua conversão ao cristianismo; Tradicionalistas Masai na comunidade ficaram ofendidos pelo ato de rebelião. Os jovens Massai são iniciados na maioridade através de várias cerimónias de iniciação. A principal é a circuncisão, onde milhares de meninos, pertencentes a uma determinada faixa etária, são circuncidados na mesma altura. Para as meninas é aplicada a clitoritomia (remoção do clitóris) durante a puberdade. As mulheres mais velhas operam as mais jovens. Várias ONGs estão a tentar acabar com a clitoritomia. "Ataques a cristãos, neste lugar, estão a aumentar", disse um funcionário da VdM. Este foi o terceiro ataque em menos de um ano. Motivos de Oração: Ore para que o Senhor fortaleça a fé desses novos crentes; Ore para que eles possam experimentar a cura completa e ore para que eles superem espiritualmente e fisicamente a oposição que enfrentaram. Ore para que esta nova vida que vivem em Cristo seja um testemunho poderoso para a sua comunidade. Fonte: A Voz dos Mártires EUA Foto: Guerreiros Masai da Tanzânia

Ao assinar a nossa lista de contatos está a concordar com a nossa Política de Privacidade

© 2017 A Voz dos Mártires. Todos os direitos reservados.