© 2017 A Voz dos Mártires. Todos os direitos reservados.

Ao assinar a nossa lista de contatos está a concordar com a nossa Política de Privacidade

Perseguição de Cristãos na Índia aumenta 57 por cento este ano

 

NOVA DELI  - Os casos de ódio e violência contra cristãos na Índia aumentaram em 57% nos primeiros dois meses deste ano em comparação com o mesmo período do ano passado, informou um grupo de defesa cristão.

 

A Comunhão Evangélica da Comissão de Liberdade Religiosa da Índia (EFIRLC) documentou 77 incidentes de ódio e violência dirigida contra cristãos em janeiro e fevereiro deste ano, acima dos 49 casos registados no mesmo período do ano passado. Os casos incluem os assassinatos de um cristão no estado de Odisha e outro no estado de Chhattisgarh, ambos em fevereiro.

 

"Temos razões para acreditar que os dois homens, que estavam na faixa dos 40 anos, foram mortos por causa da sua fé", disse o reverendo Vijayesh Lal, secretário geral da EFI, ao Morning Star News. “Registamos casos em que cristãos têm enfrentado boicote social e foram expulsos das suas aldeias e, em alguns casos, tiveram que fugir para salvar as suas vidas.”

 

Dos 77 incidentes, 16 ocorreram no estado de Tamil Nadu, 12 em Uttar Pradesh, seis em Maharashtra e outros cinco em Chhattisgarh, segundo o relatório. Os estados de Andhra Pradesh, Bihar, Jharkhand e, surpreendentemente, Kerala, viram acontecer quatro casos cada, seguidos por outros estados, disse Lal.

 

Os 49 casos registados nos dois primeiros meses de 2018 acompanharam a documentação de 50 casos no mesmo período do ano anterior.

 

Num dos incidentes deste ano em Uttar Pradesh, policias do sexo feminino em 13 de janeiro interromperam um culto de domingo e prenderam quatro mulheres e dois homens, incluindo o pastor que liderava a adoração. Na esquadra, uma policia agrediu fisicamente o pastor, Sindhu Bharti, que ficou inconsciente.

 

Pastor Bharti precisou receber tratamento médico por causa dos seus ferimentos.

 

"Houve ocorrências em que os cristãos foram levados aos templos e obrigados a entoar versos hindus e a pedir perdão pelo 'pecado' da conversão", disse Lal ao Morning Star News. 

 

A Alliance Defending Freedom-India, que oferece apoio jurídico aos cristãos, informou em 19 de fevereiro que 29 incidentes contra cristãos aconteceram em janeiro.

 

 

A Índia ocupa hoje o décimo lugar na lista de vigilância cristã da World Doors de 2019 dos países onde é mais difícil ser cristão. Ela estava no 31º lugar em 2013, mas a cada ano está a subir a sua colocação por causa do aumento da perseguição que piorou desde que Narendra Modi, do Partido Bharatiya Janata, chegou ao poder em 2014.

 

"Ainda estamos a actualizar e a conferir informações quase que diariamente", disse Lal.

 

Motivos de Oração:

  • Ore pelos cristão que vivem na Índia, para que Deus fortaleça os seus corações e a sua fé.

  • Ore para que o governo seja passivo com os cristãos e com as minorias religiosas no país.

  • Ore para que a esse aumento da perseguição produza frutos de novas conversões, ao verem o testemunho e a fé dos cristãos. 

 

Fonte: Morning Star News

Foto: Igreja destruída em 9 janeiro de 2019 na vila de Narnepadu, distrito de Guntur, estado de Andhra Pradesh, India. (Morning Star News)

Tags:

Please reload

Notícias mais Lidas

Missionária é assassinada na Indonésia

1/10
Please reload

Notícias Recentes
Please reload

Arquivo